Governo de coligação assume nova estratégia de prevenção e combate às dependências


 O deputado do PSD/Açores Carlos Ferreira destacou que o novo Governo de coligação “assume uma nova estratégia na prevenção e no combate às dependências, uma preocupação sempre presente no pensamento das famílias açorianas”, e que não tem sido enfrentada com o devido rigor e eficiência. 


 
O social democrata alertou para “a gravidade da situação que se vive nos Açores, como mostram os relatórios oficiais do Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e Dependências (SICAD), que há vários anos vêm colocando a Região no pódio dos consumos da maioria das substâncias”, disse.
 
Carlos Ferreira recordou que o Estudo de Caraterização dos Comportamentos Aditivos nos Açores, apresentado em 2019, “apontou vários indicadores importantes, confirmando o aumento dos consumos de substâncias psicoativas, a precocidade com que acontecem ou o risco apontado ao ambiente escolar”, elencou.
 
O deputado realçou, durante a discussão do Programa do Governo, que o Executivo agora em funções atribui “uma clara importância” a esta matéria e à definição de uma verdadeira Estratégia Regional de prevenção e combate às Dependências, “que contemple as dimensões da prevenção, dissuasão, redução de riscos e minimização de danos, tratamento e reinserção”, explicou.
 
Carlos Ferreira lembrou que a governação do Partido Socialista foi, nesta matéria, “marcada por um percurso errático e pela falta de estratégia para abordar um flagelo desta dimensão”.
 
“É essencial melhorar o funcionamento das Comissões para a Dissuasão da Toxicodependência, alargar as consultas na área das dependências a todas as ilhas e aperfeiçoar os procedimentos de sinalização e encaminhamento de dependentes para as instituições competentes para o tratamento”, defendeu o parlamentar.
 
Paralelamente, Carlos Ferreira identificou “a importância do reforço no apoio às famílias, o investimento consolidado na intervenção nas Escolas e a monitorização permanentemente do fenómeno, como medidas também adequadas para as políticas públicas de prevenção e combate às dependências nos Açores”, declarou.
 
Carlos Ferreira concluiu, garantindo ao novo executivo o contributo do grupo parlamentar social democrata para, “de uma vez por todas, construirmos uma abordagem articulada e eficaz para enfrentar este flagelo, em prol das famílias açorianas e do bem-estar das nossas comunidades”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s