Artur Lima frisou que a infra-estrutura era uma obra há muito reivindicada por vários sectores da sociedade e lamentou os constantes constrangimentos à sua concretização

Terminal de Cargas das Lajes será «fulcral» para a criação de riqueza nos Açores

Terminal de Cargas das Lajes será «fulcral» para a criação de riqueza nos Açores198Tempo de Leitura: 2 minutos

Intervindo durante a inauguração do Terminal de Cargas da Aerogare Civil das Lajes, ocorrida no passado dia 19 de Fevereiro, o Vice-Presidente do Governo açoriano, Artur Lima, declarou que a infra-estrutura, agora aberta ao público, «complementa a Aerogare Civil das Lajes», sendo «um instrumento fulcral para a reprodução de riqueza na ilha Terceira e na Região» e um factor dinamizador do «mercado interno».

Terminal de Cargas das Lajes «fortalece e dinamiza o mercado interno»

Durante o seu discurso, Artur Lima vincou que o Terminal de Cargas das Lajes é uma «infra-estrutura que complementa a Aerogare Civil das Lajes», constituindo-se «não só como um instrumento fulcral para a reprodução de riqueza na ilha Terceira e na Região», como também «fortalece e dinamiza o mercado interno, que é uma das premissas fundamentais do tão almejado desenvolvimento harmonioso das nossas ilhas». A abertura do Terminal de Cargas da Aerogare Civil das Lajes ao público ocorreu nesta Segunda-feira, dia 22 de Fevereiro.

Infra-estrutura «melhora substancialmente o movimento de mercadorias e cargas»

Artur Lima frisou que a infra-estrutura era uma obra há muito reivindicada por vários sectores da sociedade e lamentou os constantes constrangimentos à sua concretização. «Devo registar que a política não pode ser apenas o que se diz. Tem de ser, sobretudo, aquilo que se faz para melhorar a vida das pessoas, das empresas e da sociedade em geral», constatou o Vice-Presidente do Governo.

«Por decisão política ou por constrangimentos técnicos ou burocráticos, foram demasiados os anos que os açorianos estiveram privados do desenvolvimento económico que lhes era devido com a obra», salientou. Na visão de Artur Lima, o terminal «melhora substancialmente o movimento de mercadorias e cargas, atendendo às necessidades mais prementes das empresas e garantindo previsibilidades na expedição de produtos».

Iniciada em Novembro de 2018, a obra detinha um prazo de execução de 540 dias, que foi prolongado por três ocasiões, devido aos entraves provocados pela situação pandémica. Este investimento, apoiado pelo PO2020, teve um custo global de cerca de 4,6 milhões de euros. O Terminal de Cargas localiza-se a cerca de 400 metros da Aerogare Civil das Lajes, conta com uma área bruta de construção de 2.534 metros quadrados e um parque de estacionamento com capacidade para quatro dezenas de viaturas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s