Pedro Pinto aponta como um dos grandes desafios para os próximos tempos o combate ao despovoamento

Programa Operacional Açores 2030: CDS-PP quer aposta no combate ao despovoamento

Uma representação do CDS-PP Açores foi recebida em audiência nesta sexta-feira pelo Presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, no âmbito do processo de auscultação sobre o Programa Operacional dos Açores – Açores 2030.
De acordo com o Presidente do Conselho Económico e Social do CDS-PP Açores, Pedro Pinto, que prestou declarações à imprensa no final da reunião, “é fundamental criar condições para fixar os Açorianos à sua terra, para que não sintam necessidade de emigrar, e para que os jovens queiram regressar à sua terra natal depois de completarem os estudos”.


Pedro Pinto aponta como um dos grandes desafios para os próximos tempos o combate ao despovoamento, tendo em mente que “os jovens de hoje são diferentes, já são jovens europeus”, pelo que o Governo Regional deve ser capaz de garantir a estes jovens que terão boas perspetivas de futuro, designadamente apostando em “melhorar o emprego e garantir salários mais justos”, bem como numa “melhoria geral das condições de vida dos Açorianos, com medidas dirigidas às pessoas e às famílias, ao nível da educação e da saúde, sem esquecer os cuidados às pessoas em situação de maior vulnerabilidade, como é o caso das crianças, dos idosos, dos portadores de deficiência e dos doentes”.


Com base na linha de ação social que vem sendo tomada pelo XIII Governo Regional, contemplando diversas medidas propostas pelo CDS-PP Açores, Pedro Pinto defende “o alargamento das creches gratuitas à classe média” e “um claro apoio às pessoas portadoras de deficiência e às respetivas famílias”. Espera ainda que “o Programa Novos Idosos, que visa permitir aos idosos a permanência na sua casa junto da sua família, possa em breve passar de uma fase experimental para a implementação em toda a Região”. Pedro Pinto frisou também a crucial importância do COMPAMID para tantos Açorianos, recordando que se trata de uma medida inicialmente proposta pelo CDS-PP no ano de 2008.


Quanto ao combate à pobreza, o CDS-PP entende que “o apoio às famílias com baixos rendimentos do trabalho passa, por um lado, por salários mais justos e, por outro, por apoios de âmbito social”, entre os quais destacou “a criação de condições para que a classe média possa aceder a habitação condigna”.


O Presidente do Conselho Económico e Social do CDS-PP Açores, Pedro Pinto, apelou ainda ao Presidente do Governo Regional para que “seja dada especial atenção ao Ambiente, um enorme tesouro da nossa Região que importa preservar”, frisando que “é fundamental resolver a questão da descontaminação dos solos e aquíferos da ilha Terceira, bem como investir na proteção das espécies de fauna e flora endémica, com vista à preservação da nossa paisagem”. Relativamente às alterações climáticas, Pedro Pinto alertou para a importância de finalmente completar a Rede de Radares Meteorológicos dos Açores, conforme vem sendo defendido pelo CDS-PP Açores desde 2013, assim como apostar no reforço da proteção costeira, designadamente através de infraestruturas portuárias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s