Os deputados açorianos condenam “a invasão militar da Ucrânia pelas forças armadas da Federação Russa, ordenada por Vladimir Putin” e apelam “à imediata retirada das tropas russas do território ucraniano”

A Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores aprovou esta manhã, por unanimidade, um projeto de resolução sobre o conflito na Ucrânia, iniciado a 24 de fevereiro deste ano. No documento, subscrito por todos os Grupos e Representações Parlamentares, os deputados açorianos condenam “a invasão militar da Ucrânia pelas forças armadas da Federação Russa, ordenada por Vladimir Putin” e apelam “à imediata retirada das tropas russas do território ucraniano”.

Através desta resolução, apresentada em Plenário pelo próprio Presidente da Assembleia, Luís Garcia, o Parlamento açoriano associa-se a “todas as iniciativas que visem a paz e expressa a sua solidariedade para com todos aqueles que, na Ucrânia ou fora dela, sofrem os horrores da guerra”, manifestando ainda toda a sua solidariedade para com os milhares de cidadãos russos detidos pelo regime de Putin, no seguimento de múltiplas manifestações de paz.

A iniciativa sublinha ainda a importância do papel do Governo dos Açores e da sua atuação perante a atual crise humanitária, nomeadamente, através do “envio de bens de primeira necessidade e no acolhimento de refugiados ucranianos”.

Recorde-se que a Rússia lançou, a 24 de fevereiro, uma ofensiva militar na Ucrânia, que já causou mais de duas mil mortes entre a população civil. Os ataques provocaram também a fuga de cerca de dois milhões de pessoas para países vizinhos, segundo dados da ONU.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s