Segundo o parlamentar social-democrata com o atual Governo Regional, o preço dos combustíveis é substancialmente mais barato nos Açores

Combustíveis. PSD/Açores condena atitude “hipócrita e irresponsável” de Vasco Cordeiro
 


O deputado do PSD/Açores António Vasco Viveiros condenou hoje a atitude “hipócrita e irresponsável” de Vasco Cordeiro em relação ao Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP), lembrando que a governação socialista promoveu um “saque fiscal” no preço dos combustíveis e “nunca prescindiu dessa receita a favor dos açorianos”.
 
“Entre 2016 e 2020, o governo de Vasco Cordeiro cobrou, durante 30 meses, o ISP do gasóleo acima do limite máximo previsto na lei. Também cobrou ilegalmente, por diversas vezes, o ISP da gasolina. Quando teve poder para baixar o ISP, o deputado Vasco Cordeiro nunca o fez e até ordenou o contrário, aumentando-o para máximos históricos. Vir agora exigir que o atual Governo dos Açores baixe o ISP para os mínimos de sempre é hipócrita e irresponsável”, afirmou.
 
Segundo o parlamentar social-democrata, “com o atual Governo Regional, o preço dos combustíveis é substancialmente mais barato nos Açores, graças a uma acentuada redução do ISP em comparação com as taxas elevadas e ilegais cobradas pela governação socialista”.
 
“Com Vasco Cordeiro, a anterior governação do Partido Socialista chegou a cobrar 67 cêntimos de ISP por litro de gasolina (dois cêntimos acima do que diz a lei). O atual Governo dos Açores reduziu essa taxa para 57 cêntimos. Já no gasóleo, o anterior governo chegou a cobrar 46 cêntimos de ISP por litro (seis cêntimos acima da lei). O atual Governo dos Açores diminuiu essa taxa para 38 cêntimos”, lembrou.
 
Para António Vasco Viveiros, “quem nunca prescindiu dessa receita fiscal a favor dos açorianos e executou um saque fiscal na cobrança do ISP, não tem autoridade para vir agora exigir o que quer que seja nesta matéria”.
 
“Com o Partido Socialista, a receita de ISP aumentou de 43 milhões para 60 milhões de euros, entre 2015 e 2019. Foi um autêntico saque que a governação de Vasco Cordeiro fez em matéria de preços dos combustíveis”, frisou.
 
O deputado do PSD/Açores criticou ainda a “falta de coerência” que o deputado Vasco Cordeiro e o Partido Socialista revelam ao exigirem agora uma redução de impostos.
 
“É de uma absoluta falta de coerência vir agora exigir que um imposto seja reduzido, quando este mesmo Partido Socialista, há menos de um ano, votou contra a baixa do IRS, IRC e IVA, que muito beneficiou as famílias e empresas dos Açores”, sublinhou.
 
O parlamentar social-democrata acrescentou que o Governo dos Açores “tem cumprido – e continuará a cumprir – o seu compromisso de manter o diferencial no preço dos combustíveis em relação ao continente”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s